Morre o ator e humorista Jorge Loredo, o Zé Bonitinho

0
436
Morreu nesta quinta (26), por volta das 6h30, o ator e humorista Jorge Loredo, mais conhecido como o Zé Bonitinho.
O ator de 89 anos estava internado no Hospital São Lucas, na Zona Sul do Rio de Janeiro desde o último dia 3 de fevereiro, onde ficou em estado grave.
As causas ainda não foram informadas.
Loredo começou como ator dividindo o banco da famosa “Praça da Alegria” na década de 1970 com outros grandes humoristas como Chico Anysio, Moacyr Franco e Ronald Golias. Enquanto outros já tiveram atrações próprias, Jorge sempre sobreviveu como codjuvante e seu personagem mais marcante foi o Zé Bonitinho.
Dono de vários bordões como “Hello mulheres do meu Brasil varonil” e conhecido como o “perigote das mulheres”, Zé Bonitinho foi inspirado em um amigo de Jorge metido a garanhão. Foi daí que o humorista pegou os trejeitos e marcas registradas, como o de cantar todas as mulheres, parar em frente ao espelho para pentear o bigode.
Jorge Loredo já era famoso no final dos anos 1950 quando interpretava o mendigo filósofo na “Praça da Alegria”. Mas somente nos anos 60 se consagrou como Zé Bonitinho.
Mas foi nos anos de 1990, na “Escolinha do Professor Raimundo” que o personagem se popularizou em todo o Brasil e depois atuou na “Escolhinha do Barulho” e “A Praça é Nossa”, onde atuou por mais de uma década e estava afastado por quase dois anos.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

catorze − 13 =