Lutador de MMA faz apelo após a morte do filho atropelado por idosa bêbada.

0
459

O lutador de MMA Marcus Kowal fez um apelo emocionante para que as pessoas não dirijam emarcuskowal.jog bebam. Ele está passando por um drama desde que seu filho Liam, de 1 ano e 3 meses, morreu no domingo após ser atropelado por uma mulher de 72 anos numa faixa de pedestres na Califórnia, nos Estados Unidos.

“Faz quatro horas que eu deixei o hospital onde me despedi do meu bebê pela última vez. Três dias atrás ele foi atingido por um motorista bebâdo. Eu não sou um ator. Este não é um comercial. Esta é a realidade. Tudo o que posso dizer é não beba e dirija. Não deixe seu amigo beber e dirijir. Por favor”, disse.

O atleta também postou uma donnamariefoto de despedida do bebê Liam. “Boa noite, bebê. Você estará sempre conosco. Papai te ama”, escreveu no Facebook. Ele e a mulher, Mishel Eder, estão muito abalados.

No ínicio da semana o atleta agradeceu o apoio que tem recebido. “Eu gostaria de agradecer a todos pelas nossas mensagens. Nosso bebê teve morte cerebral há cerca de uma hora. Ele lutou bravamente. Os médicos chegaram a ressucitá-lo e seu coração ainda está batendo, mas seu cérebro não está mais funcionando. Nossos corações estão partidos e há um vazio na minha alma, mas vamos passar por isso”, disse ele.

O acidente que causou a morte do bebê ocorreu no sábado à tarde. Liam estava com uma tia, de 15 anos de idade, que o empurrava num carrinho de bebê quando a senhora bateu nos dois. Donna Marie Higgins, de 72 anos, fugiu do local.

Segundo o jornal “Mercury News”, a idosa estava bêbada quando atingiu o menino e a tia dele, de 15 anos. A mulher fugiu do local do acidente, mas testemunhas a seguiram e ajudaram a polícia a prendê-la.A adolescente, que é irmã da mãe do bebê, Mishel Eder, ficou ferida sem gravidade.

Fonte: EXTRA
Foto: Reprodução

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here