Lula afirma que os procuradores da Lava Jato estão ‘numa enrascada’:

0
586
Segundo o ex-presidente, a força-tarefa inventou uma mentira para tirá-lo da eleição de 2018. “A profissão mais honesta é a do político”, disse Lula.

Um dia depois da apresentação da denúncia, que acusou o ex-presidente Lula de ser o comandante do esquema de corrupção da Petrobras, ele decidiu falar. Disse que os procuradores estão numa enrascada porque inventaram uma mentira para tirá-lo da eleição de 2018. Foi um longo pronunciamento, durante o queal os jornalistas não puderam fazer perguntas. Lula, várias vezes, chorou diante das câmeras.

 LULA É DENUNCIADO

MPF diz que ele comandou a Lava Jato

“Eu descobri que, tanto os meus acusadores, quanto uma parte da imprensa brasileira, estão mais enrascados e mais comprometidos do que eles pensam que eu estava. Porque eles construíram uma mentira, construíram uma inverdade, como se fosse o enredo de uma novela e está chegando o fim do prazo. Afinal de contas, já cassaram o Cunha, já elegeram o Temer, pela via indireta com o golpe. Já cassaram a Dilma, agora precisa concluir a novela. Quem é o bandido e quem é o mocinho? Vamos agora dar o fecho, acabar com a vida política do Lula, porque não existe outra explicação para o espetáculo de pirotecnia.

CseNYEuWcAEdiHHMe dedicaram um apartamento que eu não tenho. Me dedicaram uma chácara que não é minha. Me dedicaram até de ser o comandante maior de todo o processo de corrupção da Petrobras. ‘Eu não tenho prova, mas eu tenho convicção’. Eu tenho convicção que quem mentiu está numa enrascada.

Eu não quis ficar zangado. Eu só não compreendia o porque daquilo. Eu só não compreendia como você convoca uma coletiva, gastando dinheiro público no hotel, montando uma estrutura para apresentar a prova de um crime e dizem: ‘não tenho crime, eu tenho convicção’. ‘Eu não tenho prova, mas tenho convicção’. Provem, provem uma corrupção minha, que eu irei à pé pra ser preso. À custa do que vender um produto que não tem como entregar? Desgastar minha imagem? Bobagem, bobagem. Eu tinha que fazer essa declaração para vocês e tinha a orientação dos advogados para tomar cuidado com as palavras e eu tenho sempre cuidado com as palavras pra não criar nenhum problema.

Eu, de vez em quando, falo que as pessoas achincalham muito a política, mas a profissão mais honesta é a do político. Sabe por quê? Porque todo ano, por mais ladrão que ele seja, ele tem que ir pra rua encarar o povo, e pedir voto. O concursado não, se forma na universidade, faz um concurso e tá com emprego garantido pro resto da vida. O político não. Ele é chamado de ladrão, é chamado de filho da mãe, é chamado de filho do pai, é chamado de tudo, mas ele tá lá, encarando, pedindo outra vez o seu emprego. E muitas vezes consegue, outras vezes não consegue”.

G1

 

 

 

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

dezessete + 17 =