Cantor Vander Lee morre aos 50 anos

0
419

Morre o cantor e compositor Vander Lee, aos 50 anos

Mineiro passou mal enquanto fazia sessão de hidroginástica e teve 12 paradas cardíacas

O cantor e compositor mineiro Vander Lee morreu na manhã desta sexta-feira, aos 50 anos. O músico passou mal enquanto fazia uma sessão de hidroginástica, em Belo Horizonte, e foi levado ao hospital, com o diagnóstico de um aneurisma no coração.

Segundo o site do “Estado de Minas”, Vander Lee sofreu um infarto na tarde desta quinta e foi operado durante a noite. Ele teria sofrido 12 paradas cardíacas. O Hospital Madre Teresa, onde Lee foi operado, ainda não se pronunciou sobre o caso.

Ao longo de sua carreira, o músico mineiro acumulou parcerias com grandes nomes da MPB, como Gal Costa, Maria Bethânia, Elza Soares, Zeca Baleiro e Nando Reis. No começo de julho, ele gravou no Espaço Tom Jobim, no Rio, seu terceiro trabalho ao vivo, intitulado “Vander Lee – 20 anos”. Sua discografia conta com nove discos, entre registros de estúdio e ao vivo.

Lee despontou ao vencer o festival Canta Minas de 1996, produzido pela Globo Minas. Embora tenha lançado seu primeiro disco no ano seguinte, em 1997, ele só conseguiu sucesso comercial e nacional em 2002, quando Gal gravou sua canção “Onde Deus possa me ouvir”.

Pelo Twitter, o padre Fábio de Melo lamentou a morte. “Que tristeza, minha gente! O Brasil perdeu um grande artista. Eu perdi um amigo especial. (…) A morte do outro nos empobrece pois retira-nos o que só ele podia nos dar. Recorro-me a Mia Couto. ‘Morto amado nunca para de morrer'”.

A morte de Lee foi sentida por veteranos e novatos. Rogério Flausino, da JQuest, publicou, no Facebook, uma foto com ele. O também mineiro LG Lopes, da Graveola e o Lixo Polifônico, disse: “Meu amigo Vandeco. Mestre e conselheiro. Ave rara da canção brasileira. Gratidão por ter tido a chance de conviver contigo”.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here