Britânico desfigurado por tumores relata cotidiano de olhares e agressões

0
520

As pessoas encaram Adam Pearson onde quer que ele vá. Mas ele se assusta mesmo apenas quando olhares e sussurros se tornam algo mais violento do que isso.

Nesse depoimento, Pearson, de 30 anos, analisa a questão de crimes de ódio contra pessoas com deficiência no Reino Unido.

“Viver com uma face desfigurada em uma cidade movimentada como Londres significa que raramente consigo ser invisível.

Até mesmo coisas simples como pegar um metrô podem se tornar uma jornada cheia de pessoas cochichando, olhando, apontando para mim.

Eu tenho neurofibromatose tipo 1, uma doença que faz tumores benignos crescerem na extremidade dos nervos – no meu caso, no rosto.

Eu entendo porque me encaram. Pessoas desfiguradas são tão pouco representadas em nossa cultura midiática que não me surpreende ver que pessoas não sabem reagir quando nos veem.

Mas olhares e cochichos não são um crime de ódio em si, mesmo se eu tiver que sofrer diariamente com preconceito e concepções erradas das pessoas.

Apesar de não gostar de ser alvo de olhares toda hora, o que sofro não pode ser rotulado como crime de ódio contra deficientes. Isso é algo mais sério.

O termo em si é usado como se fosse algo grandioso, e mesmo assim, poucas pessoas sabem o que é.

Ele implica em ofensas criminais em que a vítima, ou outra pessoa, acredita que tenham sido feitas por preconceito contra a deficiência ou uma percepção de deficiência.

Mas os comportamentos que enfrento, se não forem questionados e monitorados, podem se tornar a origem de crimes de ódio. O ato de apontar e encarar pode rapidamente progredir para um xingamento, sobretudo em noites em que o álcool entra na equação.

É no bar, quando estou tomando uma cerveja depois de uma semana dura de trabalho, onde me sinto mais vulnerável e exposto.

Quando as pessoas ficam bêbadas, elas gostam de me nomear. Já fui chamado de ‘paralítico’, ‘homem-elefante’ e ‘mutante deformado’. Seja o que motive tal comportamento, isso é crime de ódio contra deficientes, segundo a definição.

BBC

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here